Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas
Página inicialPós-Graduação › Programas de Pós-Graduação › Letras › Linhas de Pesquisa
Pós-Graduação em Letras - Linhas de Pesquisa

logoletras.gif

 

LINHAS DE PESQUISA

HISTÓRIA, CULTURA E LITERATURA (HCL)

Estudo do processo de interação da literatura com a história, objetivando verificar a dinâmica de tensões entre os dois universos. Abre-se ainda a perspectiva de análise da memória histórica e de aspectos culturais, de identidade, de nação, reconfigurados pelo texto literário.

Bibliografia de Referência

ABDALA JÚNIOR, B. (Org.) Margens da cultura: mestiçagem hibridismo e outras misturas. São Paulo: Boitempo, 2004.
ASHCROFT, B. et al. The post-colonial studies reader. London: Routledge, 1994.
BABHA, H. K. O local da cultura. Trad, Myriam Ávila, Eliana Lourenço de Lima Reis, Gláucia Renate Gonçalves. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2001.
BERMAN, A. A prova do estrangeiro. Trad. Maria Emília P. Chanut. Bauru, SP: EDUSC, 2002.
BERND, Z. Negritude e literatura na América Latina. Porto Alegre: Mercado Aberto, 1987.
CEVASCO, M. E. Dez lições sobre Estudos Culturais. São Paulo: Boitempo, 2003.
HALL, S. A identidade cultural na pós-modernidade. Trad. Tomaz Tadeu da Silva e Guacira L. Louro. 3. Ed. Rio de Janeiro: DP&A, 1999.
___. Da diáspora: identidades e mediações culturais. Trad. Adelaine La Guardia Resende et al. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2006.
HUTCHEON, L. Poética do pós-modernismo: história, teoria, ficção. Trad. Ricardo Cruz. Rio de Janeiro: Imago, 1991.
JAMESON, F. Pós-modernismo: a lógica cultural do capitalismo tardio. Trad. Maria Elisa Cevasco. São Paulo: Ática, 1996.
LYOTARD, J.F. A condição pós-moderna. Trad. Ricardo Correa Barbosa. 6 ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2000.
MATTELART, A. NEVEU, E. Introdução aos Estudos Culturais. Trad. Marcos Marcionilo. São Paulo: Parábola Editorial, 2004.
RIEDEL, D. C. (Org.). Narrativa: ficção e história. Rio de Janeiro: Imago, 1988.
SEVCENKO, N. Literatura como missão. 2. ed. São Paulo: Brasiliense, 1985.
VANOOSTHUYSE, M. Le roman historique: Mann, Brecht, Döblin. 1.ed. Paris: Presses Universitaires de France, 1996.
WHITE, Hayden. Trópicos do discurso: ensaios sobre a crítica da cultura. Trad. Alípio Correia de Franca Neto. 2. ed. São Paulo: EDUSP, 2001.

 

PERSPECTIVAS TEÓRICAS NO ESTUDO DA LITERATURA (PTEL)
TEÓRICAS NO ESTUDO DA LITERATURA (PTEL)

 

BAKHTIN, Mikhail. O epos e o romance. In: ______. Questões de literatura e de estética. Tradução: Aurora. F. Bernardini et al. São Paulo: UNESP, 1988. p. 397-428. 

BARBOSA, J.A.  A leitura do intervalo. São Paulo: Iluminuras, 1990.

BARTHES, R. Crítica e verdade. Trad. Leyla Perrone-Moisés. São Paulo: Perspectiva, 1970.

BENJAMIN, Walter, O narrador. In: ______. Obras escolhidas. Tradução e notas: Jeane Marie Gagnebin. São Paulo: Perspectiva, 1996. p. 197-222. 

BERARDINELLI, Alfonso. As fronteiras da poesia. In: AMOROROSO, Maria Betânia (Org.).  Da Poesia à Prosa. São Paulo: Cosac & Naify, 2007.  

BERARDINELLI, Alfonso. As muitas vozes da poesia moderna. In: AMOROROSO, Maria Betânia (Org.). Da poesia à prosa. São Paulo: Cosac & Naify, 2007. 

BERTRAND, Denis. Caminhos de semiótica literária. Tradução do Grupo CASA. Bauru: EDUSC, 2003. 

BAUDELAIRE, Charles. O pintor da vida moderna (1863). Tradução e notas: Tomaz Tadeu. Belo Horizonte: Editora Autêntica, 2010. 

CALVINO, Italo. Leveza. In: ______. Seis propostas para o próximo milênio: lições americanas. 2. ed. Tradução de Ivo Barroso. São Paulo: Companhia das Letras, 1990. p. 15-41. 

CAMPOS, Haroldo de. Poesia e modernidade. Da morte do verso à constelação: o poema pós utópico. In: ______. O arco íris branco. Rio de Janeiro: Imago, 1997. p. 243-270. 

CANDIDO, Antonio. Literatura e sociedade. Rio de Janeiro: Ouro Sobre o Azul, 2010. 

CARLSON, Marvin. Teorias do teatro: estudo histórico-crítico, dos gregos à atualidade.

Tradução de Gilson César Cardoso de Souza. São Paulo: Editora UNESP, 2002. 

COMPAGNON, Antoine. O demônio da teoria: literatura e senso comum. Tradução de Cleonice Paes Barreto Mourão e Consuelo Fortes Santiago. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2003. 

CORTÁZAR, Julio. Alguns aspectos do conto. In: _____. Obra crítica II. Organização de Jaime Alazrazi. Tradução de Paulina Wacht e Ari Roitman. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1999.  p. 345-363. 

CULLER, Jonathan. Teoria literária: uma introdução. Tradução e notas de Sandra Guardini T. Vasconcelos. São Paulo: Beca, 1999. 

DERRIDA, J. A gramatologia. Trad. R. J. Ribeiro et al. São Paulo: Perspectiva, 1997.

______. A Escritura e a Diferença. Trad. R. J. Ribeiro et al. São Paulo: Perspectiva, 1994.

EAGLETON, Terry. Teoria da literatura: uma introdução. Tradução de Waltensir Dutra. São Paulo: Martins Editora, 2006. 

ECO, Umberto. Bosques possíveis. In:______. Seis passeios pelos bosques da ficção. Tradução de Hildegard Feist. São Paulo: Companhia das Letras, 1994. p. 81-102. 

ESSLIN, Martin. Uma anatomia do drama. Tradução Bárbara Heliodora. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978. 

FRIEDRICH, Hugo. Perspectiva e retrospecto. In: ______. Estrutura da lírica moderna. Tradução de M. M. Curioni e D. F. da Silva. São Paulo: Duas Cidades, 1991. p. 15-34. 

FRYE, N. Anatomia da crítica. Trad. P. E. S. Ramos. São Paulo: Cultrix, 1973.

GONÇALVES, A. J. Laokoon revisitado: relações homológicas entre texto e imagem. São Paulo: Edusp, 1994.

HUTCHEON, Linda. Poética do pós-modernismo: história, teoria, ficção. Tradução de Ricardo Cruz. Rio de Janeiro: Imago, 1991. 

JAMESON, Fredric. Pós-modernismo: a lógica cultural do capitalismo tardio. Tradução de Maria   Elisa Cevasco. São Paulo: Ática, 1997. 

JAUSS, H. R. A história da literatura como provocação à teoria literária. Trad. Sérgio Tellalori. São Paulo: Ática, 1994.

LIMA, L.C. Mimesis e modernidade. Rio de Janeiro: Graal, 1980.

OLIVEIRA, S. R. Literatura e música: modulações pós-coloniais. São Paulo: Perspectiva, 2002.

OLIVEIRA, V. S. Poesia e pintura: um diálogo em três dimensões. São Paulo: UNESP, 1999.

PAZ, Octavio. O arco e a lira. Tradução de Olga Savary. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1982. 

PIGLIA, R. Teses sobre o conto. Tradutor: In: ______. O laboratório do escritor. São Paulo: Iluminuras, 1994. p. 37-41. 

POE, Edgar Allan. Filosofia da Composição. In:______.. Edgar Allan Poe: ficção completa, poesia e ensaios. Tradução de  Oscar Mendes e Milton Amado. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1997. p. 911-920. 

PRAZ, M. Literatura e artes visuais. São Paulo: Cultrix, 1982.

SAID, Edward W. Humanismo e crítica democrática. Tradução de Rosaura Eichenberg. São Paulo: Companhia das Letras, 2007. 

SAMOYAULT, Tiphaine. A intertextualidade. São Paulo: Aderaldo e Rotschild, 2008. 

SANTAELLA, L.; NÖTH, W. Imagem: cognição, semiótica, mídia. São Paulo: Iluminuras, 1999.

SCHØLHAMMER, Erik. Ficção brasileira contemporânea. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2010. 

STAM, Robert. A literatura através do cinema: realismo, magia e a arte da adaptação. Tradução de Marie-Anne Kremer e Gláucia Renate Gonçalves. Belo Horizonte: UFMG, 2008. 

TATIT, L. Semiótica da canção: melodia e letra. São Paulo: Escrita, 1994.

VALÉRY, P. Poesia e pensamento abstrato. In:______. Variedades. Organização e introdução de João Alexandre Barbosa. Tradução de Maiza Martins de Siqueira. São Paulo: Iluminuras, 2007. p. 193-210. 

XAVIER, Ismail. A experiência do cinema. São Paulo: Graal, 2008.

Atualizada em 21/10/2013 às 08:22 - Responsável: Giséle Manganelli Fernandes